YES Blog da Escuta

quarta-feira, 21 de agosto de 2019


No livro 'O Desenlace de uma analise' o psicanalista Gerard Pommier, trabalha sobre o início da análise e seu trajeto até que o analisando chegue ao final de sua análise.

E quando falamos de final de análise, isso não se refere à quando um paciente interrompe sua análise depois de ter tido alguns 'efeitos beneficos'. Em Psicanálise lacaniana, o final de análise refere-se ao fato do analisando ter trabalhado sobre seu inconsciente, feito um trabalho com essa 'língua estrangeira', analizado seus conflitos, sua culpa, fantasia e seu gozo.

É quando ele descobre o que o “anima”, o que o faz tropeçar, inibir, angustiar e sofrer.

Esse tempo compreende um trabalho com o inconsciente, com a linguagem, com as formações do inconsciente e com o gozo (que ele sempre repete e se atrapalha). E não se tratará do tempo cronológico e sim de um trabalho para que esse, se depare, trabalhe e não evite mais a castração!

Muitos analisandos interrompem sua análise para não ter que fazer isso, para continuar gozando e se atrapalhando.

Texto por Andreneide Dantas 
Data: 21 de fevereiro de 2019 

Nenhum comentário:

Postar um comentário