Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2016

Psicanálise com crianças - Entrevista escrita (Parte 2)

Imagem
Psicanálise com Crianças (parte 2) 4. Quais queixas são mais comuns ? As queixas mais comuns, são as dificuldades escolares: desde a troca de letras, atraso no aprendizado a repetência; dificuldades de relacionamentos com colegas, agressividade consigo e com os outros, hiperatividade, “déficit de atenção”, inibições, etc. Situações que atrapalham o desenvolvimento da criança tanto físico quanto intelectual.  E o que se revela na análise é que essas dificuldades encobrem outras, que vão surgindo durante o tratamento. A medida que o tratamento transcorre, vemos qual é a posição que a criança ocupa na família, como está posicionado o casal de pais, o que eles esperam desse filho, como a criança se vê, sua relação com irmãos. etc.... 5. Existem doenças ( bronquites, rinites, doenças de pele, diabetes , asmas, otites.. ) que mesmo a criança  sendo atendida e tratada com medicamentos os resultados não são satisfatórios, essas crianças se beneficiariam do tratamento

Os Laços entre a Motricidade e o Inconsciente

Imagem
A psicomotricidade será abordada nesse trabalho, a partir da visão da psicanalista Françoise Dolto, que mostra com bastante clareza em seus casos clínicos, a diferença entre Imagem Inconsciente do Corpo e Esquema Corporal, relatando o quanto a motricidade pode ser inibida ou prejudicada a partir do direcionamento inconsciente de cada sujeito.     Os casos clínicos relatados por ela em seu livro “A imagem inconsciente do corpo”, retrata a história de crianças saudáveis quanto a seu esquema corporal, estando o funcionamento deste, comprometido por imagens patogênicas do corpo. A motricidade aqui está ligada ao sintoma pelo seu fantasma. Esquema Corporal e Imagem do Corpo O esquema corporal é uma realidade, um corpo orgânico, semelhante em todos da espécie humana. O corpo orgânico é um medi/a/dor (lê-se mede a dor) que se organiza de acordo com as relações que o sujeito adquire com o contato com os outros. Inicialmente seus pais, ou cuidadores e p