YES Blog da Escuta: Maio 2013

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Psicanálise - Tratamento através das palavras.

A imagem pode conter: pessoas sentadas e área interna




“Não vou tomar remédios? Como então vou melhorar de todo esse sofrimento? O que vou fazer com toda essa angústia que sinto no peito? (e que muitas vezes é confundida com ataque cardíaco ou síndrome do pânico); “Como vou acalmar essa invasão de pensamentos (negativos e obsessivos) que invadem meu ser?

São algumas das frases proferidas por pacientes que nos procuram, quando não conseguem mais conviver com sua tristeza, angústia e sofrimento. E o que respondemos para esses sujeitos sofredores, é que falar pode trazer alívio, pois é através da análise que ele poderá tomar consciência da causa (inconsciente) do sofrimento que atinge tanto o seu corpo, quanto suas relações com o outro semelhante.

O trabalho de análise é de uma escuta diferenciada onde o analista escuta "além" do sentido comum, pois lê no discurso dos pacientes, a verdade inconsciente a respeito das queixas e sintomas que eles apresentam, escuta o que está nas entrelinhas do seu dizer e dessa forma possibilita, com que ele realmente escute o que diz e descubra que sua palavra revela mais do que ele intencionava e que seus pensamentos e sua fala afetam seu corpo.

Pois todo sujeito é efeito da linguagem e do discurso do Outro, por isso seu corpo responde aos pensamentos, sentimentos, emoções e pulsões.

Quando não sabem disso (e nem todos o sabem), os pacientes procuram a causa de muitas doenças somente no sistema físico-químico, deixando de lado seu psíquico, pois aprenderam (erroneamente) que as palavras não têm tanta importância. E é por equivoco como esse, que encontramos na atualidade um enfraquecimento da palavra e um crescimento das pulsões destrutivas que resulta no aumento da violência, quebra dos laços sociais, isolamento, depressões, angústias desmedidas.

Quando procuram a causa do sofrimento somente no âmbito biológico, sem levar em consideração que o psíquico afeta o orgânico, podem fazer o tratamento médico e conseguir pouca eficácia, pois são suas "emoções" e suas escolhas que desencadeiam algumas doenças. É importante o tratamento médico para tratar o corpo adoecido, mas é imprescindível também, que cada um possa falar e descobrir as causas inconscientes que estão por trás desse adoecer.

Quando o paciente chega, fala de como suas relações estão afetadas e geralmente acredita que é vitima do outro: pais, cônjuge, trabalho, destino... e com a análise, descobre qual é sua participação nisso tudo do qual se queixa, qual é o sentido inconsciente de seus sintomas e de como sua história familiar tem consequências em sua vida.

Assim, poderá se encarregar de sua história e fazer escolhas conscientes, deixando de ser controlado por seu inconsciente e seu gozo!
    

    #análise #psicanálise #sintoma #sofrimento #inconsciente # tratamentopsicológico

Andreneide Dantas  ( 10/05/13)